quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Sem data marcada

Nesse mundo tecnologicamente conectado e incessantemente online, é cada vez mais fácil desejar votos de feliz aniversário ou bom ano novo. Ferramentais digitais como Twitter, Facebook, e-mail ou o bom e velho cartão virtual facilitam a vida daqueles que gostam de alternativas simples na hora de homenagear alguém. No entanto, me parece que as atuais facilidades comunicacionais acabaram atribuindo a essas datas comemorativas - como nosso aniversário ou o réveillon - menos importância. É como se esses dias fossem tão comuns como qualquer outro.

Como se isso não bastasse, aquele seu amigo de anos que já comemorou seu aniversário várias vezes contigo em alto estilo, fez festa, sorriu, comeu bolo e cantou parabéns ao seu lado, hoje nem sequer enviou um simples “felicidades ae” pra você via sms...

Pensando nisso, sou levada a refletir acerca da superficialidade dos sentimentos e das palavras que desejamos às pessoas. Até que ponto, realmente, desejamos FELICIDADES a quem aniversaria ou a quem vence mais um ano e inicia uma nova etapa da vida? Acho inevitável pensar que somos automáticos demais e sinceros de menos.

Sendo assim, pra evitar esquecimentos ou demonstrações de sentimentos apenas em datas comemorativas, sugiro a você uma atitude bem simples: expresse carinho e apreço não só em ocasiões especiais. Mostre durante o ano, com ações, o quanto as pessoas são importantes pra você - se elas forem, claro. E, se você esquecer de dar parabéns em alguma data especial, isso acabará não importando tanto assim, afinal, quem você ama terá certeza do seu sentimento.

E, então, faça do amor um hábito. Transforme o carinho em costume. Não caia na rotina, mas se sirva de amor como você faz com o arroz e o feijão. Não se esqueça de alimentar-se daquilo que te sustenta, lembre-se: coração vazio não tem fé.

2 comentários:

  1. Eu lembro que isso aconteceu ano passado tmb! Muito triste...

    ResponderExcluir

É muito bom receber seu comentário!